Advogada bolsonarista publica nas redes: “Que estuprem e matem as filhas dos ordinários ministros do STF”

Pelas redes sociais, a advogada gaúcha Cláudia Teixeira Gomes, expôs toda sua ira em uma publicação após decisão do STF de cumprir a Constituição e só permitir a prisão após trânsito julgado

Atualização 11 de novembro: Os prints foram tirados do ar da matéria origina porque a dona do perfil parece ter apagado o perfil do Facebook.

A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de cumprir a Constituição e reverter entendimento anterior, que permitia a prisão de pessoas sem o trânsito julgado da sentença, causou revolta entre aliados da Lava Jato e de Jair Bolsonaro. Até mesmo advogados e juristas ficaram indignados com a decisão, que permitiu que Lula retomasse a sua liberdade.

Pelas redes sociais, a advogada gaúcha Cláudia Teixeira Gomes, expôs toda sua ira em uma publicação. “Que estuprem e matem as filhas dos ordinários ministros do STF”, escreveu na sua página no Facebook, apagando o post pouco tempo depois. A Fórum, no entanto, teve acesso a um print screen da mensagem divulgada por Cláudia.

Advogada em Osório, no Rio Grande do Sul, segundo informações de seu perfil, a advogada não esconde sua adoração por Jair Bolsonaro e Sergio Moro, com fotos dos dois na rede social.

Por outro lado, Cláudia destila seu ódio contra Lula, Dilma Rousseff e o PT em outras publicações, como a que comemora o golpe parlamentar que derrubou a ex-presidenta.

A Fórum entrou em contato com a advogada pelas redes sociais, mas não obteve retorno até a publicação desta reportagem. O espaço segue aberta para que ela divulgue seu posicionamento sobre a publicação.

8 COMENTÁRIOS

  1. Favor me manda o print da advogada qie mandou estuprar filgas dos ministros
    Agradeço
    Att valmor lacerda jornalista mtb/rs pelotas rs
    Whatsasp 53 984348821

    • Infelizmente os prints foram tirados do ar da matéria original que era da Revista Fórum porque a dona do perfil parece ter apagado o perfil do Facebook.

  2. Alguém conferiu as informações da página. Olhando para ela me parece um robô. Página criada para espalhar fake news. Cuidado, o resultado da reportagem pode representar, em tese, crime de calúnia

  3. Cade o print da tal publicação? Pois é uma publicação tão sórdida que essa criatura teria feito que só vendo pra crer mesmo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.