A disciplina que a gente não tem | Curso de Teatro Negro

Publicado em: 18/08/2017 às 11:50
A disciplina que a gente não tem | Curso de Teatro Negro

Hoje, mesmo com o racismo institucional presente no Brasil, é impossível não perceber que a contribuição da população negra para a cultura Brasileira é gigantesca e fez parte da formação direta e indireta de muitos artistas das mais variadas regiões.

Nós, do Coletivo NEGA, acreditamos que, como grupo de teatro de mulheres negras, ocupamos um espaço único na universidade (UDESC), mas que, em existência e ações, extrapola o âmbito teatral e amplia-se na construção cultural da arte negra catarinense.

Mesmo ocupando esse espaço, ainda sentimos falta de maiores discussões acerca do papel da população negra nas artes e no Teatro Negro, assim como a falta de maior pesquisa e preocupação da comunidade acadêmica e artística de entender e ensinar sobre a personagem e o Teatro Negro Brasileiro, contextualizando a população negra nas artes.

Por isso, nesse semestre, nós (Rita RlThuanny Paes , Michele Mafra,Sarah Motta e Franco) decidimos dar mais um passo relacionado a essas inquietações. Com o apoio do Programa NEGA de extensão (do curso de Teatro da UDESC) e em parceria com a Professora Julianna Rosa*, criamos o mini curso: A Disciplina que A Gente Não Tem – Teatro Negro Em 5 módulos.

Vamos nos reunir uma vez por mês, durante 5 meses (agosto, setembro, outubro, novembro e dezembro de 2017). O curso segue o conteúdo programático (link abaixo) que dispõe os assuntos de cada encontro e o textos a serem lidos (links abaixo). Todos os textos estão disponíveis aqui (links de arquivos que podem ser visualizados/baixados) e disponíveis para xerox na pasta “História do Teatro II, nº30”, no xerox do prédio da Esag.

Datas dos encontros (sujeitas à alteração): 24/08, 21/09, 26/10, 16/11, 07/12.
Horários dos encontros: 19h30min
Local: Será divulgado, no mais tardar, uma semana antes de cada encontro.
A ENTRADA GRATÚITA ABERTA A TODAS E TODOS!
INSCRIÇÃO OPCIONAL! (Facilita na emissão de certificados).
Link para inscrição : https://goo.gl/forms/Z2t6vXqe8Xcn2uJq1

A aula do primeiro módulo acontecerá dia 24/08/2017, quinta-feira, às 19h30min no Auditório do Bloco Amarelo no CEARE/UDESC** (Itacorubi).

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO disponível em: https://drive.google.com/file/d/0B2yjWqnK6kJMQU1LSjd3bldkLW8/view?usp=sharing

O foco dos nossos encontros será o debate a partir de conceitos importantes como RAÇA e ETNIA; RACISMO e NEGRITUDE; TEATRO e DRAMATURGIA NEGRA. Faremos a leitura e debate de textos teóricos e textos teatrais. A metodologia se dividirá em dois momentos: expositivo e dialógico. A seguir o conteúdo de cada módulo e o cronograma de leituras.

MÓDULO 1 (24/08) – Introdução aos conceitos de raça e etnia
Raça como categoria científica: sua construção e consolidação de um Racismo científico. Mito da Democracia racial. Etnia. A construção social da cor. Negritude.
LEITURA: Uma abordagem conceitual de raça, etnia e racismo – Kabengele Munanga.
Disponível em: https://www.geledes.org.br/wp-content/uploads/2014/04/Uma-abordagem-conceitual-das-nocoes-de-raca-racismo-dentidade-e-etnia.pdf

MÓDULO 2 (21/09) – A personagem negra no teatro brasileiro
A personagem negra no teatro brasileiro: debates sobre estigmas, desconstrução de estereótipos e representatividade na cena teatral.
LEITURA: Personagem Negra: uma reflexão crítica sobre os padrões raciais na produção dramatúrgica brasileira – Julianna Rosa
Disponível em: http://seer.ufrgs.br/index.php/presenca/article/view/66612

MÓDULO 3 (26/10) – Teatro Negro e suas categorias
Teatro Engajado Negro. Performances Negras. Teatro de Presença Negra.
LEITURA: Capítulo 1(da p. 23 à 47) – Teatro Experimental do Negro – Evani Tavares Lima
Disponível em: Link aqui em breve.

MÓDULO 4 (16/11) – Dramaturgias de Teatro Engajado Negro
TEM. Expoentes do teatro negro: olhar histórico e contemporâneo. Leitura de peças teatrais: Sortilégio de Abdias do Nascimento.
LEITURA: O teatro negro – Leitura da peça de Abdias do Nascimento – Sortilégio
Disponível em: https://drive.google.com/file/d/0B2yjWqnK6kJMQXp6Wm1yblV3Njg/view?usp=sharing
LEITURA COMPLEMENTAR: ARTIGO COMPLEMENTAR: Teatro Experimental do Negro, por C. Douxami
Disponível em: https://drive.google.com/file/d/0B2yjWqnK6kJMYmdiWDdxbjZ1Rjg/view?usp=sharing

MÓDULO 5 (07/10) – Dramaturgias, Diáspora Africana e Experiências Contemporâneas Experiências de teatro negro contemporâneo, leitura de textos teatrais e reflexões sobre dramaturgia negra contemporânea. Aldri Anunciação: “Namíbia, Não!” e Grace Passô: “Por Elise”.
LEITURA: Leitura dos textos teatrais: Por Elise e Namíbia, Não!
Disponível em: Link aqui em breve.

*Julianna Rosa é Professora Colaboradora no Departamento de Artes Cênicas da Universidade do Estado de Santa Catarina (DAC / UDESC), ministrando disciplinas na área da teoria teatral, como história do teatro, análise do texto dramático e espetacular e dramaturgia da cena.É Mestra em Teatro, com dissertação defendida sobre a “Dramaturgia da Dança dos Orixás” – prática artística de Augusto Omolú. E doutoranda em teatro pelo Programa de Pós-Graduação em Teatro PPGT-UDESC. Foi roteirista e produtora da Web Série Afrocatarinense AGÔ – O Poder da Gente na Gente.

**Endereço: Av. Me. Benvenuta, 2007 – Itacorubi, Florianópolis – SC

Fonte: Evento

Deixe uma resposta