8 horas de espera e erro no app, o desespero para receber o auxílio do governo

Enquanto muitos passam horas na fila para descobrir que seu auxílio continua congelado, governo Bolsonaro segue com ataques aos trabalhadores.

O app Caixa Tem gera uma conta virtual na qual o governo deposita o valor do auxílio emergencial liberado para alguns em meio a pandemia. Desde o início do auxílio a dificuldade para ter acesso ao dinheiro, a demora para a aprovação e os vetos de Bolsonaro, tem deixado muitas famílias desesperadas.

Nos dois primeiros meses as pessoas tiveram que lidar com a espera de dias ou até meses para terem seu auxílio aprovado, depois uma espera para poder utilizar o dinheiro que já estava disponível na tal conta virtual. Esse mês a situação se tornou ainda mais escandalosa, o atraso o recebimento veem causando impactos sérios na vidas de muitas famílias que diante da pandemia estão desempregadas ou impossibilitadas de trabalhar.

Além do atraso para o depósito do dinheiro na conta virtual, agra muitos passam pela situação de horas de espera para ter acesso a conta e depois de cerca de 8 a 10 horas, não conseguir utilizar o valor que está disponível apenas para pagamentos de contas on-line.

O descaso do governo que se expressa claramente em suas políticas e ataques como por exemplo a MP recentemente aprovada por Bolsonaro que legaliza a redução dos salários no meio da crise sanitária, econômica e politica desencadeadas pela pandemia do coronavírus, além disso dificulta o acesso ao auxílio que além de insuficiente tem se tornado mais um problema na vidas de muitos trabalhadores, que não tem acesso ao app, que ao conseguir acesso se deparam com erros e esperas gigantescas, ou se submetem a horas de fila para conseguir o que lhes é de direito.

Todas as medidas do governo Bolsonaro, mas também dos governadores, do centrão e do STF veem no caminho de descarregar sobre as nossas costas as consequência da crise. Não pensam em formas de proibir as demissões e de garantir o mínimo para a existência dos setores da classe trabalhadora, das pessoas que movem a sociedade, dos que dia a dia vendem sua força de trabalho e fazem a sociedade funcionar. Isso enquanto o governo e seus “líderes” se articulam para salvar os bancos enquanto milhares padecem de fome.

É urgente gritar por Fora Bolsonaro, Mourão e os militares, que nenhuma confianças nos governos, nos golpistas e no STF nos coloquem na linha de frente para com a força da nossa luta impormos uma Assembléia Constituinte Livre e Soberana, que possa garantir nossos empregos, nossa existência e faça com que os capitalistas paguem pela crise.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.