Bombeiros Voluntários catarinenses são dispensados de ajudar nas buscas de Brumadinho

Foto: Abvesc

Atualização 29 de janeiro: Bombeiros Voluntários catarinenses continuam em Brumadinho

Visor Notícias.- O grupo de 28 Bombeiros Voluntários que estão em Brumadinho para auxiliar nas buscas pelos 305 desaparecidos foram dispensados. Eles devem voltar para Santa Catarina nesta segunda-feira (28). A dispensa foi confirmada por um dos integrantes da missão. No entanto, ainda há duas possibilidades. Voltar imediatamente ou tentar se integrar as equipes de buscas mais uma vez.

Os Bombeiros Voluntários de Santa Catarina chegaram por volta das 15h20 deste domingo (27), após percorrerem 1.100 quilômetros entre Indaial e a cidade mineira. Foram 24 horas de estrada, com paradas apenas para abastecimentos e alimentação.

Eles deveriam começar a auxiliar nas buscas a partir desta segunda-feira (28). Contudo, após se apresentarem para os responsáveis pela operação, foram dispensados. A força-tarefa é composta por Bombeiros Voluntários de Indaial, Balneário Camboriú, Ibirama, Ilhota, São João do Itaperiú, Itaiópolis e Balneário Barra do Sul. A equipe de Indaial é experiente neste tipo de ação. Eles já atuaram em resgates na tragédia do Morro do Baú, em 2008, no Haiti, após um terremoto, e também em Teresópolis, após um deslizamento de terra em 2011.

Problemas na viagem

Durante a viagem, o grupo não conseguiu isenção de pedágio para os seis veículos ao passar pela cidade de Campina Grande do Sul, no Paraná. O chefe da missão, comandante Vinotti, gravou um vídeo reclamando da situação. É uma pena. Um esforço gigantesco. Todos os integrantes da equipe são voluntários”, destacou.

Em nota, a Arteris Régis Bittencourt informou que lamenta o episódio, mas que o procedimento adotado pelos funcionários estava correto. Segundo o comunicado, os carros de bombeiro civil não tinham placas branca, azul ou preta, o que caracteriza um veículo oficial. Em outro ponto da nota, a concessionária explicou que um e-mail ou ofício informando que os veículos estavam indo em missão humanitária para Brumadinho teria evitado o problema. A Arteris Régis Bittencourt lamentou o episódio.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.